Português Italian English Spanish

Imagens de boate apontam que Daniel Alves ficou com mulher no banheiro durante 15 minutos

Imagens de boate apontam que Daniel Alves ficou com mulher no banheiro durante 15 minutos


O jogador de futebol Daniel Alves durante semifinal da Champions League no Camp Nou em Barcelona, Espanha, imagem de 1 de Maio de 2013 (Foto: Manu Fernandez/AP)

O jogador de futebol Daniel Alves durante semifinal da Champions League no Camp Nou em Barcelona, Espanha, imagem de 1 de Maio de 2013 (Foto: Manu Fernandez/AP)

Daniel Alves está preso preventivamente na Espanha desde sexta-feira (20), após ter sido acusado de cometer agressão sexual contra uma mulher em balada na Catalunha.

Após a análise de imagens de segurança da boate, uma das versões dada pelo jogador em depoimentos à polícia foi desmentida.

O jogador de futebol disse inicialmente às autoridades que não conhecia a suposta vítima no caso. Contudo, segundo a apuração do jornal espanhol "El Periódico", as câmeras da boate Sutton, no último dia 30 de dezembro, apontam que Daniel Alves ficou 15 minutos no banheiro com a mulher que o acusa do crime.

Posteriormente, o lateral-direito admitiu ter tido relação sexual no banheiro com a moça. A contradição em depoimento, junto a laudos médicos da vítima, fizeram a juíza Maria Concepción Canton Martín decretar prisão provisória sem fiança ao brasileiro.

A mulher afirma que foi trancada no banheiro sem consentimento. Em relato às autoridades do caso, ela afirma que Daniel se sentou no vaso sanitário, subiu o vestido dela e a forçou a transar com ele.

O escândalo do caso fez com que o Pumas, do México, clube do lateral-direito, rescindisse o contrato com o jogador após a detenção. O brasileiro segue preso no Centro Penitenciário Brians 1, em Barcelona, na Espanha.

Entenda o caso

Denúncia

De acordo com a Agência EFE, a denunciante afirmou que na noite de 30 para 31 de dezembro de 2022, o jogador do Pumas a tocou por baixo da roupa íntima sem seu consentimento. Ela prestou queixa em 2 de janeiro.

Jogador nega

No começo do mês, em entrevista ao programa espanhol Y ahora Sonsoles, da Antena 3, o jogador do Pumas disse que: "Gostaria de negar tudo. Sim, eu estava naquele lugar, com mais gente, curtindo. E quem me conhece sabe que eu amo dançar. Eu estava dançando e curtindo sem invadir o espaço dos outros. Eu não sei quem é essa senhora. Nunca invadi um espaço. Como vou fazer isso com uma mulher ou uma menina? Não, por Deus. Já chega (com o assunto), porque estão sofrendo, principalmente o meu povo".

Os depoimentos

A mulher teria sido convidada por Daniel e um amigo para um espaço VIP na boate em que estavam e, segundo o seu relato, o jogador teria pego a mão dela e colocado em seu pênis, algo contra a sua vontade. Também sem que quisesse, ela foi levada a um banheiro e, de acordo com o jornal, teria sido estuprada. O jogador teria sentado no vaso sanitário, levantado o seu vestido e a forçado a ter relações sexuais com ele. Tentando evitar, a mulher teria sido agredida e violentada logo em seguida. Depois do ato, Daniel Alves teria pedido que ela o esperasse sair primeiro do banheiro.

Exames de corpo de delito realizados no hospital em que ele fora encaminhada logo após ter relatado à polícia o que teria acontecido, ainda segundo o El Periódico de Catalunya, apontaram lesões características de estupro sofridas na mulher.

O que mostram as câmeras?

  • Conforme divulgado pelo jornal espanhol El Taquigrafo na última quinta-feira (19):

  • Daniel Alves chega à boate com um amigo por volta das 2h;

  • Às 4h22, a mulher vai ao banheiro e Alves a segue segundos depois. Não há câmeras lá;

  • Cerca de 47 segundos depois, ela sai do banheiro;

  • Alves continua seguindo a mulher;

  • O jogador e o amigo deixam o local 10 minutos depois;

  • Nesse momento, a mulher é vista chorando descontroladamente e amigas a consolam;

  • Funcionários do local são alertados.

A Boate Sutton teria acionado o "protocolo de proteção a vítimas de assédio" e tentou encontrar Daniel Alves, mas sem sucesso. O jogador, assim como sua esposa, nega as acusações.