Português Italian English Spanish

Geller, Rosa Neide e Valtenir gastaram meio milhão em 6 meses

Geller, Rosa Neide e Valtenir gastaram meio milhão em 6 meses


Dados foram informados pelos próprios parlamentares no Portal Transparência da Câmara do Deputados.


 

O deputado Neri Geller (PP) é o campeão de gastos de cota parlamentar entre os deptados da bancada mato-grossense na Câmara Federal. Entre os meses de fevereiro e julho deste ano, ele gastou R$ 199 mil do recurso. Os dados são do Portal Transparência da Câmara. 

 

Já em segundo lugar, aparece a deputada petista Rosa Neide com R$ 157, 9 mil gastos nos últimos seis meses, seguida dos colegas Valtenir Pereira, do MDB (R$ 149, 5 mil); Juarez Costa, do MDB (129 mil); Emanuelzinho, do PTB (R$ 96,9 mil); Doutor Leonardo, do SD (R$ 88, 9 mil), José Medeiros, do Podemos (R$ 88 mil), Carlos Bezerra, do MDB (R$ 83, 3 mil); e Nelson Barbudo, do PSL (R$ 37, 4 mil).

Os três deputados que mais gastaram usaram a cota parlamentar principalmente para viagens aéreas, divulgação de suas atividades políticas, gastos com combustíveis, fretamentos de veículos, além de contratação de consultorias para pesquisas e trabalhos técnicos em elaboração de documento em CPI’s, por exemplo.

Geller declarou que seus principais gastos ocorreram em junho, quando usou R$ 43, 5 mil de sua cota, para locação ou fretamento de veículos automotores. Ele gastou R$ 11 mil com isso. Outros R$ 21, 3 mil foram utilizados para divulgar a atuação de Geller como parlamentar.

Já Rosa Neide registrou as despesas mais vultosas em abril, no total de R$ 39, 1 mil. Os desembolsos foram com emissão de bilhete aéreo (R$ 12.861,17) e consultorias, pesquisas e trabalhos técnicos (R$ 80.400,00).

Valternir, o terceiro colocado, gastou R$ 80, 4 mil em consultorias, pesquisas e trabalhos técnicos, R$ 40 mil em divulgação da atividade parlamentar e R$ 13,6 mil em emissão bilhete aéreo. Valtenir é suplemente e atuou nos últimos meses na Câmara no lugar de Carlos Bezerra, que se licenciou do cargo entre os meses de março e junho.  

A cota parlamentar é um recurso que os deputados dispõem para custear suas despesas durante o exercício do mandato como passagens aéreas, conta de celular, abastecimento de carros, contratação de técnicos para realização de CPI’s e divulgação da atividade parlamentar.